Hora certa

Radio-mx


sexta-feira, 1 de outubro de 2010

A hitoria de comade fulozinha



Turminha,
Vocês já ouviram falar dessa personagem bem pernambucana?
A minha avó Nenem era uma grande contadora de histórias. E eu as adorava. Ela tinha um dom especial para narração. Cantava, usava o sotaque condizente ao da personagem. Fazia suspense e surpreendia-nos nos momentos mais inesperados. Ela tinha muita sensibilidade, e quanto poder de encantamento... Bons tempos.
Duas das histórias contadas, encantavam-me: "A menina e a figueira" e "Comade Fulozinha".
Participando do Gestar II - Curso de Formação Continuada para Professores, ouvi falar de um longa produzido por professores e alunos pernambucanos. Lá de Caruaru. Assisti ao filme sozinha e... "choquei". O filme é ÓÓÓTIMO. Resolvi, então, compartilhá-lo com os meus alunos da Escola Profa. Helena Pugó. A turminha amou. O melhor de tudo foi saber que essas estórias continuam sendo transmitidas através das gerações. A maioria deles conhecia a personagem. Foi uma tarde de encantamento. Depois desse momento, trabalhamos produção de textos orais. Ouvimos as opiniões sobre a lenda, ouvimos outras lendas, discutimos a importância dos contadores de histórias e, finalmente, trabalhamos o gênero. Leia, agora, algumas informações sobre o filme.
"Deveria ser apenas um projeto independente feito por alunos e professores do Colégio Diocesano de Caruaru, mas o filme Cumade Fulozinha foi muito além. Exibido em agosto e setembro de 2007, no teatro do Sesc, o longa contava a história da mais famosa lenda pernambucana. O boca a boca se encarregou do resto. Em pouco tempo, o filme foi exibido no Alto do Moura, além de cidades como Camocim de São Félix, Bezerros e Agrestina, e em alguns colégios da cidade. Após o lançamento do DVD, em novembro, tomou conta de algumas locadoras e passou a ser exibido também em mais escolas. O roteirista, produtor e diretor Menelau Júnior, colunista do VANGUARDA, diz que não esperava uma repercussão tão grande: "Foi maravilhoso ver gente de todas as idades assistindo ao filme e conhecendo um pouco mais de nossa cultura". Comade Fulozinha fez tanto sucesso no Interior do Estado, que agora ganha uma continuação: Comade Fulozinha 2 - A Noite dos Assovios. A história se passa um ano depois dos acontecimentos do primeiro filme. Começa exatamente onde Comade Fulozinha terminou, com a pequena Renatinha (interpretada por Renata Jéssica) sendo atacada. Mas agora há novos personagens e locações. "É tudo maior nesta continuação", afirma Menelau. "Continuamos filmando com apenas uma câmera, mas a experiência do primeiro filme nos ajudou a melhorar bastante. Há mais suspense e mais sustos", acrescenta.O foco da história agora não está mais nos adolescentes do primeiro filme. Embora todos eles estejam de volta, são as meninas Renatinha (Renata Jéssica) e Daniele (Jamilly Freire, de apenas 11 anos, impecável) que passam a maior parte do tempo em apuros. No papel de Comade Fulozinha, a adolescente Iara Ohara, que desta vez pôde aparecer sem maquiagem, numa seqüência em que se revela a origem da Comade Fulozinha."
Turminha, em breve asistiremos ao filme Comade Fulozinha 2 - A noite dos Assovios.

0 comentários:

Postar um comentário

1-Respeito todos os usuarios
2-Nada de palavrão ou palavra ofensivas ao outro
3-So comentem alguma coisa ao asunto,ou se tiver alguma duvida !!!

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Best Buy Printable Coupons